INFOLINE: +351 965 559 073
Escola de Mergulho - Sagres
Sagres - temp.
GUESTBOOK | RESERVAR
Sagres – Fim do mundo
End of the road - Vós encontrareis o Promontorium Sacrum ? Cabo de S. Vicente (Sagres). Este cabo deu nome à costa vicentina do Algarve – Portugal. Este pequeno paraíso em todos os aspectos, principalmente no mundo subaquático, sendo considerado um dos melhores sítios de mergulho do mundo. A Divers Cape, centro e escola de mergulho, certificada pela PADI, está inserida no Parque Natural da Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina. Os guias da Divers Cape leva-o a desfrutar e a descobrir segredos e belezas escondidas em naufrágios da 1ª e da 2ª guerras mundiais, em cavernas e grutas e em recifes cheios de vida e de muita cor. A Divers Cape providencia cursos com certificações internacionais, desde o básico até aos níveis profissionais. 
Sagres-End-of-road
INFORMAÇÕES GERAIS - THE UPWELLING OF SAGRES
THE UPWELLING OF SAGRES 
No extermo mais Sudoeste da Europa, encontramos Sagres inserida em plena área do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina. Com caracteristicas biofísicas e ecológicas únicas na Europa.
A natureza diversificada dos fundos, a confluência de distintas massas de água (Mediterrânea e Atlântica) (IMAGEM CIRCULAÇÃO GOLF de CADIZ) bem como a ocorrência de fenómenos de afloramento de água profundas, contribuem para a presença de elevados níveis de biodiversidade e produção primária nesta área.

Aqui pode-se observar todas as espécies existentes na costa portuguesa, não entanto não existenenhuma espécia endémica (espécie única de um local), nem é o limite da distribuição de nenhuma espécie marinha. Mas em cada mergulho observar-se uma granda abundância de biodiversidade pois esta costa apresenta uma maior riqueza de número de espécies relativamente as regiões mais a Norte, com destaque para a família Sparidae (Sargos).

Relativamente a topografia dos fundos, encontramos na costa Oeste grandes falésias a rodearem praias com perfis bastante acentuados, ou seja, à medida que nos afastamos da costa, há um grande aumento de profundidade do mar, o que leva a formação de uma plataforma continental relativamente pequena.

Já na Costa Vicentina (Costa Sul) apresentada praia de menor declive, com grandes extensões de plataforma continental. O tipo de fundo encontrado nesta zona da costa Vicentina e sudoeste Alentejano tem uma forte componente de fundos rochosos e com muitos pontos conspícuos, como por exemplo a Pedra do Gigante, Ponta Ruiva, Telheiro, Atalaia, Ilhas do Martinhal.

O fundo de substrato rochoso, comum na costa Oeste, proporciona uma maior diversidade de habitats e protecção do que os substratos arenosos ou de vasa, possibilitando um maior diversidade biológica.

Ao redor de Sagres existem mais de 75 espécies de peixes, diversas espécies de Moluscos, Crustáceos, Equimodermes, Cnidários, Ectoprocta, Esponjas e Algas marinhas.